Sorriso bonito? Mantenha a distância do tabaco e faça boas escolhas pela sua saúde!

Sorriso bonito? Mantenha a distância do tabaco e faça boas escolhas pela sua saúde!

Não basta apenas ir ao médico dentista uma vez por ano para ter um sorriso bonito. É preciso tomar mais alguns cuidados.

Sorriso largo, dentes brancos, gengiva rosada. Quem não gosta de ver esta imagem ao se olhar ao espelho? Um sorriso bonito traz alegria por onde quer que passe. Para que tudo esteja perfeito na hora de sorrir, não é apenas a ida ao médico dentista que conta.

Existem diversas substâncias que podem prejudicar a saúde do seu sorriso. O cigarro, alguns alimentos e até mesmo medicamentos que são prejudiciais para a saúde e algumas vezes responsáveis por interferir negativamente na sua estética.

E não é apenas por poderem deixar os seus dentes amarelados. Acredite, este pode ser o menor dos seus problemas quando faz o uso contínuo de determinados produtos. O artigo de hoje vai esclarecer sobre todo o mal que algumas substâncias podem causar à sua saúde bucal, mas também como elas afetam negativamente a estética de quem as utiliza.

Quero um sorriso bonito, o que devo evitar?

A sua primeira preocupação deve ser cuidar da saúde bucal. Para se ter um sorriso bonito, é fundamental ter uma boa higiene. Visitar o médico dentista pelo menos uma vez por ano pode ajudar a evitar muitos problemas, mas não é o suficiente.

O tabaco é um dos fatores que atrapalham na hora de ter um sorriso bonito. É causador de muitos efeitos negativos, entre eles a saúde e a estética. No caso da saúde, devemos lembrar que a nicotina é um grande inimigo.

Esta substância adere com muito facilidade ao esmalte dos dentes e isso provoca o tom amarelado dos mesmos. Quem é fumador pode ficar sem um sorriso bonito, mas também afeta outros aspetos que às vezes passam despercebidos.

Não são apenas os dentes que são afetados?

Definitivamente, não. A nicotina afeta a nossa boca como um todo, inclusive a pele. É uma substância maligna que ataca a gengiva e todos os tecidos da boca. O seu consumo atinge a gengiva e escurece-a.

Outro ponto que merece destaque é que o hábito de fumar causa mau hálito. Há mudança na temperatura da boca e isto faz com que seja mais propício à proliferação de bactérias. Com este ambiente, fumadores são mais suscetíveis a desenvolver tártaro – a placa bacteriana que fica alojada nos dentes.

O perigo vai além da estética!

Tem outro fator muito importante que deve ser levado em consideração por quem possui o hábito de fumar. Além de não conseguir ter um sorriso bonito, pode acabar desenvolvendo outras problemas sérios de saúde.
Além de provocar perda óssea, o cigarro causa graves doenças. Entre elas destaca-se o cancro da boca, além da gengivite que é causada por bactérias acumuladas nos dentes que causam inflamação levando ao sangramento e até perda de dentes.
A periodontite é outra das doenças mais comuns entre os fumadores. A periodontite é um estágio mais avançado da gengivite e, se não tratada corretamente, pode ser uma porta de entrada para problemas cardíacos e pulmonares.

A sua autoestima também está em risco!

Podemos não pensar regularmente nisto, mas o estado da nossa boca e do nosso sorriso afeta muita mais que a saúde oral ou do nosso corpo. Afeta também a nossa saúde mental.

Como? Afetando a nossa qualidade de vida, o nosso dia-a-dia e a nossa autoestima.

Levar uma vida impedidos de comer sem dores, com vergonha de sorrir ou de falar não é vida para ninguém. Aos poucos vai afetando o nosso dia-a-dia e pode levar ao isolamento.

Podemos perder o nosso amor próprio e ter vergonha do nosso aspeto. Por isso, podemos dizer que cuidar da nossa boca é cuidar de nós mesmos.

Não deixe que o seu sorriso desvaneça!

Tome boas decisões, faça a escolha certa nos seus hábitos diários e consulte o seu dentista regularmente.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.