Eu, o meu corpo e o café

Eu, o meu corpo e o café

O café já há muito que tem vindo a ser motivo de conversa e opiniões. Não existe um consenso, existe sim quem não passa sem ele logo pela manhã ou então quem se recusa a tomar por acreditar ser prejudicial à saúde. Mas será que é verdade? No fundo, o café e a Saúde Oral acabam por entrar numa espiral de mitos onde as opiniões e estudos vão divergindo.  

Com efeito, quer seja apreciador ou não, deve ficar a saber o que realmente acontece ao seu corpo ao ingeri-lo. Tendo em mente que o equilíbrio e a moderação do seu consumo são a chave para que este seja benéfico e não prejudicial.

Mas o que acontece realmente ao nosso organismo quando bebemos café?

A cafeína quando absorvida pelo nosso corpo, viaja pela corrente sanguínea que a leva até toda as partes do nosso organismo. De forma a entender,  vamos tentar explicar da melhor forma para que entenda todo este processo de absorção.

Damos-lhe a conhecer o que acontece em algumas partes do nosso corpo com a chegada da cafeína:

Cérebro

As moléculas de cafeína impedem a receção de adenosina (substância responsável pelo cansaço), dando a sensação de energia, bom-humor e bem-estar. Inibe também os recetores do neurotransmissor ácido gama-aminobutírico (GABA) que tira o sono e torna o cérebro mais atento.

A cafeína aumenta ainda o fluxo de sangue no cérebro, combatendo a dilatação súbita das artérias que provocam enxaquecas.

Ajuda também a conservar a memória e a controlar situações de demência.

Coração

Existem vários estudos que sugerem que o café (sem açúcar) pode ajudar a prevenir as doenças cardiovasculares e a reduzir inflamações graças ao seu caráter antioxidante.

Rins

As glândulas suprarrenais ao pensarem que o corpo está alerta e cheio de energia produzem adrenalina.

A adrenalina dilata as vias respiratórias, o que por sua vez, aumenta o fluxo de sangue para os músculos.

Estômago

No estômago, a cafeína estimula a produção de ácido gástrico o que pode gerar dor de barriga e azia.

O café tem também um efeito diurético, pois aumenta a eliminação de toxinas e combate a retenção de líquidos.

Existem ainda estudos em debate que falam dos efeitos do café na prevenção de várias doenças como Depressão, Cirrose, Alzheimer, Parkinson, Diabetes, Cancro entre outras.

Como tudo nesta vida deve ser feito com “conta, peso e medida”, existem também consequências do consumo exagerado de café, tais como:

  • Falta de sono
  • Gastrite
  • Arritmia
  • Ansiedade
  • Espasmos musculares

No fundo, o equilíbrio é a chave para tornar o nosso corpo são e funcional. Não incorra em exageros, tal como dissemos, basta encontrar um equilíbrio.

Não precisa de deixar os prazeres de lado, basta equilibrar os seus hábitos diários para ter uma vida saudável. Este é o segredo para o estado da nossa Saúde em geral!

Cuide de si!

Marque já a sua consulta de avaliação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.